19:18 Mércores, 22 de Novembro de 2017
Terra e Tempo. Dixital Galego de pensamento nacionalista.

03-07-2017

Os bancos centrais europeus, britânico e japonês têm protegido a taxa de câmbio do US dólar em relação a outras divisas de reserva

A intervenção do banco central serve os Um Porcento

Valorar (2)

PAUL CRAIG ROBERTS



Os vigaristas que dirigem o sistema financeiro ocidental configuraram o mercado do ouro de um modo que lhes permite controlar o preço. O ouro não é apreçado no mercado físico do ouro onde as barras são compradas e vendidas O ouro é apreçado num mercado a termo (future market) onde contratos não cobertos que são baseados em cash são comprados e vendidos. Como os contratos futuros não têm de ser cobertos do mesmo modo que uma venda a descoberto tem de ser coberta, os agentes bancários dos bancos centrais para o ouro podem criar ouro papel imprimindo contratos de opção (naked contracts). Por outras palavras, é possível inchar a oferta de ouro no mercado no qual é determinado o preço do ouro despejando contratos futuros no mercado. O aumento enorme na oferta de ouro papel leva à baixa dos preços futuros do ouro. Esta política ocidental é estúpida, porque deita abaixo o preço do ouro real para os principais compradores asiáticos – China, Índia e Turquia. Mas esta política protege o valor do US dólar ao impedir a ascensão do preço do ouro que mostraria a crescente falta de confiança em divisas fiduciárias.

Os bancos centrais europeus, britânico e japonês têm protegido a taxa de câmbio do US dólar em relação a outras divisas de reserva ao entregarem-se eles próprios à facilidade quantitativa. Com todas as divisas fiduciárias a incharem, as taxas de câmbio permanecem relativamente estáveis. Os bancos centrais impedem a ascensão no preço do ouro ao imprimirem ouro papel para o mercado de ouro papel.

A minha opinião é que o bitcoin é o beneficiário desta manipulação dos preços do ouro e das divisas fiduciárias. O bitcoin não pode aumentar a sua oferta e os bitcoins não são apreçados em mercados futuros que permitem vendas a descoberto.

Dave Kranzler explica a demolição do ouro praticada hoje pelo banco central. A fim de se proteger do seu próprio comportamento irresponsável e provavelmente ilegal, os bancos centrais estão comprometidos com uma política que frustra os esforços das pessoas para encontrar no ouro o refúgio para a inflação das divisas fiduciárias em papel. A política dos bancos centrais prova que a elite trabalha perseverantemente contra o interesse do povo.

Por que é que o povo tolera os bancos centrais que serve apenas os Um Porcento? Thomas Jefferson entendia isso tal como o presidente Andrew Jackson, mas no mundo ocidental a indiferença substituiu a inteligência. Os Um Porcento sabem o que estão a fazer. Os 99 Porcento estão trancados na Matrix.

Aqui está uma clara explicação de Kranzler da manipulação dos mercados do ouro por bancos centrais. Naturalmente, nada em absoluto será feito acerca dos crimes, pois são crimes contra os inermes 99 Porcento, uma colecção de deploráveis. Quem se importa com eles? Certamente que não os governos ocidentais.
 

Este artigo encontra-se em http://resistir.info/ .


Engade o teu comentario:

Os campos marcados con* son obrigatorios.









Aniversario Moncho Reboiras 2017


© Fundación Bautista Álvarez de Estudos Nacionalistas
Terra e Tempo (ISSN 1575-5517)
Avenida de Lugo, 219, 1º, 15703 • Santiago de Compostela • Galiza
981 57 02 65 – info#code#terraetempo#code#gal